top of page
Buscar
  • INDAMA

Reaproveitar o óleo de soja pode ajudar a preservar a biodiversidade e combater o desmatamento

O desmatamento é um dos maiores problemas ambientais enfrentados atualmente, principalmente na região Amazônica, onde a exploração ilegal de madeira e a criação de pastagens para gado são responsáveis pela destruição de grandes áreas de floresta. Além disso, a biodiversidade é afetada negativamente, com a perda de espécies animais e vegetais. Nesse cenário, o reaproveitamento do óleo de soja pode ser uma solução para combater o desmatamento e preservar a biodiversidade.


De acordo com uma pesquisa conduzida pela Universidade de Maryland, em colaboração com cientistas dos Estados Unidos, Brasil e Argentina, o plantio ilegal de soja contribuiu com 10% do desmatamento registrado na América do Sul durante as últimas duas décadas. Essa atividade agrícola, que é frequentemente usada como meio de especulação imobiliária, continua a ser um grande fator na degradação das florestas da região.


O que é o reaproveitamento de óleo de soja

O óleo de soja é um dos ingredientes mais utilizados na culinária brasileira. No entanto, o descarte inadequado desse óleo pode causar danos ambientais, como entupimento de tubulações e contaminação do solo e da água. O reaproveitamento do óleo de soja consiste em coletar e reciclar o óleo usado em residências, restaurantes e indústrias alimentícias para a produção de biodiesel.


Como o reaproveitamento de óleo de soja ajuda a preservar a biodiversidade

A produção de biodiesel a partir do reaproveitamento do óleo de soja tem um impacto positivo na preservação da biodiversidade. Isso porque, ao substituir o diesel convencional pelo biodiesel, há uma redução significativa na emissão de gases poluentes que contribuem para o aquecimento global e para a destruição da camada de ozônio. Além disso, a produção de biodiesel a partir do óleo de soja pode reduzir a demanda por combustíveis fósseis, que são responsáveis pelo desmatamento e pela emissão de gases poluentes.


Como o reaproveitamento de óleo de soja ajuda a combater o desmatamento


O reaproveitamento do óleo de soja também ajuda a combater o desmatamento, pois reduz a demanda por óleo de palma, um ingrediente comum na produção de biodiesel e que é responsável pelo desmatamento de florestas tropicais em países como Indonésia e Malásia. Ao optar pelo óleo de soja reciclado, as empresas contribuem para a preservação das florestas e para a redução da emissão de gases poluentes.


O reaproveitamento do óleo de soja é uma solução simples e eficaz para combater o desmatamento e preservar a biodiversidade. A reciclagem do óleo usado evita danos ambientais e a produção de biodiesel a partir desse óleo pode ajudar a reduzir a demanda por combustíveis fósseis e por óleo de palma. Além disso, ao utilizar o óleo usado na produção de novos produtos, estamos evitando que ele seja descartado de forma inadequada e prejudique o meio ambiente.


A Indama é uma empresa especializada na coleta e reciclagem de óleo de soja usado. Com uma infraestrutura moderna e eficiente, a empresa oferece serviços de coleta para estabelecimentos comerciais e residências.


Acreditamos que a destinação correta de resíduos e a reciclagem significam o reaproveitamento inteligente de recursos e a proteção ao nosso meio ambiente.


28 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page